O que é vegetarianismo? | VIVERDEQUÊ?
Fechar

Inscrição para o Curso: LEITES VEGETAIS - 10 NOV


10.dez
10.dez
O que é vegetarianismo?

De acordo com a Sociedade Vegetariana Brasileira, vegetarianismo é um regime alimentar baseado em evitar o consumo de carne, de qualquer tipo de animal, podendo ou não usar leite, ovos e mel. Consiste em ingerir vegetais, como o próprio nome diz.

A palavra “Vegetariano” vem do latim e significa: forte, vigoroso e robusto.

Abaixo veja as variações das dietas vegetarianas:

  1. Ovolactovegetariano: É a opção mais popular, muitos dizem que são vegetarianos, mas na verdade são ovolactovegetarianos, eles excluem todos os tipos de carnes mas incluem o leite, ovos e mel.
  2. Lactovegetariano: Exclui todos os tipos de carne e também os ovos. Mas consome mel, leite e derivados.
  3. Ovovegetariano: Exclui todos os tipos de carne e o leite. Consomem mel e os ovos. Muito comum na índia.
  4. Vegetariano estrito: Exclui todos os tipos de carne e produtos de origem animal como leite e ovos.
  5. Vegano: Exclui todos os produtos que tem origem animal, carnes, leite, ovos e mel. Mas a diferença entre um vegetariano estrito e um vegano é que os veganos não utilizam produtos testados em animais ou que tenham origem animal, como maquiagens, pinturas, couro, etc. Não usam nada que possam provocar sofrimento para um animal.
  6. Crudívoros: A alimentação crudívora, também conhecida de “alimentação viva” ou “cozinha viva”, é uma forma de alimentação baseada em alimentos crus, frutas frescas, vegetais, sementes, grãos germinados ou brotos como o trigo, arroz, cevada, centeio, aveia, lentilha, grão de bico, ervilha, alfafa e algas. Crudívoros também costumam comer pequenas quantidades de sal e de azeite de oliva. Aquecem seus alimentos até 42 graus C.
  7. Frugívoros: Comem apenas frutas maduras ou desidratadas. Mas são frutos com o conceito da botânica, e não da nutrição. Desde modo incluem cereais, legumes, frutas oleaginosas e as frutas. Não utilizam temperos.
  8. Semivegetariano: Este tipo na verdade não é vegetariano, pois come algum tipo de carne como peixe ou frango. Até vemos expressões como piscovegetariano/ pescovegetariano (come peixe) ou pollovegetariano (come frango). Estes termos no ajudam a entender o tipo de dieta que comem, mas  não são vegetarianos.
  9. Naturalista: Pode ou não ser vegetariano. São aqueles que escolhem um estilo de vida mais saudável e procuram se alimentar de produtos sem aditivos químicos ou industrializados.
  10. Macrobiótico: Pode ou não ser uma dieta vegetariana. Recomendam não usar laticínios ou ovos.
  11. Junk vegetariano: São aqueles que não comem carne mas infelizmente se alimentam muitas porcarias industrializadas.

Os estímulos para se tornar vegetariano são muitos, como religião, saúde, amor aos animais, cuidado com o meio ambiente, economia, etc.

Agora você não vai mais fazer confusão, não é mesmo? Mas se tiver dúvidas sugiro o livro: Virei vegetariano e agora? Dr. Eric Slywitch. Ele é um médico especialista em nutrologia, nutrição clínica e outras coisas legais. Neste post, me baseei na minha experiência pessoal, no livro do Dr. Eric e no site da Sociedade Vegetariana Brasileira.

Até a próxima.

Débora Campos

Publicitária, apaixonada por culinária saudável, fotografia e viagens.

 




PESQUISAR:

Débora Campos - autora
apoie o blog viverdequê?
quer anunciar no viverdequê?